Origem e benefícios da dança do ventre algumas considerações

Sobre a Origem e os Benefícios da Dança Oriental

Quando e onde se deu o surgimento da dança do ventre não se sabe ao certo, pois faltam registros históricos que comprovem onde tudo começou.
Uma entre as inúmeras hipóteses sobre esse começo, acredita que o surgimento encontra-se em sociedades primitivas, matriarcais onde a dança esta relacionada a cultos de fertilidade.

origem-beneficios-danca-egipcia-1Também conhecida como Raqs el Sharqi, Dança do Oriente ou Dança do Leste, tem no Egito um grande pólo de referência. Uma outra hipótese acredita que o surgimento foi no Egito pré-faraônico, mas não existem provas e sim controvérsias sobre ter surgido ali ou na Mesopotâmia. Assim como em qual época. Torna-se árdua a pesquisa sobre onde e quando surgiu essa maravilhosa dança.

Uma afirmação podemos defender, a de que essa arte milenar sobreviveu a muitas mudanças sociais, atravessou mares e se mantém viva, continuando a se desenvolver sob muitas influências culturais.
O povo árabe divulgou a dança do ventre pelo mundo e atribuiu a esta caracteres festivos.

Falar dos benefícios que esta dança é capaz de promover para o corpo é uma tarefa bem mais fácil, pois são muitos os benefícios que ela é capaz de promover ao nosso corpo, mente e espírito.
As aulas de dança do ventre que incluem alongamento, técnicas de respiração e aprendizado técnico, promovem um verdadeiro despertar para a consciência corporal, melhorando o eixo, postura, coordenação motora, concentração, fortalecimento muscular e muitas mudanças que podem ser citadas, o que tornaria este breve texto muito mais longo.
Os movimentos realizados repetidas vezes promovem melhor circulação sanguínea, fortalecimento muscular, alongamento e flexibilidade, resistência física, sem deixar de falar na queima calórica e no relaxamento das tensões, diminuindo o stress do cotidiano.

origem-beneficios-danca-egipcia-2Sendo uma atividade artística, estimula a criatividade, concentração e liberação da timidez sendo realizada em grupos.

Sobre a sensualidade existente na dança do ventre, é indiscutível, mas deve-se lembrar que não é um privilégio apenas desta. Encontramos sensualidade no tango, na salsa, no samba, no jazz e em muitas outras danças.
A sensualidade é expressa em muitas manifestações artísticas. Focar apenas na sensualidade desta dança é minimizar sua riqueza, como por exemplo, o estudo da leitura musical e a possibilidade de apreciar e compreender a musicalidade oriental através do estudo dessa dança, o estudo da consciência corporal, a importância do nosso corpo e o entendimento sobre como ele se relaciona com o espaço e com o outro.

A busca pelo feminino pode ser realizada pela dança do ventre e por outras danças, o importante é compreender o quanto é rica em diversos elementos e quanto bem pode nos revelar contribuindo para o nosso bem viver.

origem-beneficios-danca-egipcia-3-danca-orientalTexto escrito pela professora Beth Soares
Publicado no Revista Bem Viver, setembro 2010

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close